Dicas sem glúten e lactose em Miami

Dicas sem glúten e lactose em Miami

Oioiii meus queridos!

Para quem não me acompanha no Instagram e Facebook (começa a me seguir lá ;)) não sabe que estive viajando. Fui no fim de abril para os EUA e minha primeira parada foi Miami.

Dicas sem glúten e lactose em Miami!

Apesar de ser um destino super comum aos brasileiros, eu nunca tinha ido a Miami. Já tinha programado algumas vezes de ir, mas os planos sempre mudavam e deixava para outra oportunidade.

No início do ano uma das minhas melhores amigas foi morar lá pela empresa que trabalhava e como eu já estava querendo dar uma viajadinha (novidade!), me programei para ir no fim de abril. Eu ia passar o mês todo lá, mas uma semana antes de eu ir ela me avisou que ia voltar na primeira semana de maio. Portanto mudei meus planos e acabei indo para San Francisco, na California e dei um pulinho em Nova York também (vou passar as dicas em outros posts).

Vocês sabem que eu SEMPRE levo marmita comigo né? Por mais que as cias aéreas tenham opções de refeições sem glúten e lactose (leiam sobre aqui), eu sempre levo algo comigo. Dessa vez essa foi minha marmita:

dicas-sem-gluten-sem-lactose-miami

Pudim de chia, manteiga de amendoim, mis de castanhas, salada e proteína de ervilha para fazer shake

Eu voei de American Airlines e eles não tem opção de refeições sem glúten E lactose, é um ou outro. Na duvida pedi sem glúten, porque fiquei naquela “peço sem lactose e se vier uma panqueca?”. Para encurtar a história: comi uma parte do café da manhã e passei muito mal. Na realidade acho que estava com a imunidade baixa – nos dois meses anteriores estava num ritmo insano de viagens com os workshops e testes na cozinha para o curso que daria na EduK quando voltasse dos EUA. Sei que no avião passei mal, tive febre, e cheguei um caco em Miami.

Porque estava debilitada, aquele pouquinho que comi no avião virou infecção gastrointestinal e eu fiquei 5 dias muito, muito, muito mal. Fiquei tão mal e preocupada que acabei indo em médico, que não ajudou nada né? Mas enfim… sobrevivi ihihih.
Se quiser mais dicas de viagem e como levar comidinhas no avião cadastre-se no formulário abaixo para receber meu e-book gratuito SOS Viagem – o guia do intolerante viajante 🤩. Está cheio de dicas, informações e receitas!


O pouco que consegui comer fora de casa eu reuni as dicas aqui! Quem conhecer mais opções em Miami deixa nos comentários!!!!

Os restaurantes

Começando pelo ótimo:

Oolite

Esse restaurante eu achei procurando no Google, e fui no dia em que não tinha mais dores constantes e não estava indo no banheiro a cada 40 minutos hahahha.

Foi uma ótima surpresa!! O restaurante é 100% sem glúten e eles fazem as adaptações necessárias caso você tenha outras alergias, como eu. O ambiente é bem aconchegante e bem iluminado, fica em South Beach. O cardápio tem muitas opções legais.

Inclusive eles têm um whisky feito a base de quinoa!!! Eu achei muito muito legal, mas não gosto de whisky, então não provei.

dicas-sem-gluten-lactose-miami

Nossas entradas: carpaccio de peixe branco com grapefruit e semente de abóbora e BBQ Shrimp

A comida estava deliciosa! Pedimos de prato principal pato com molho de laranja e para acompanhar batata doce assada.

Preço: $$

The Cheesecake Factory

Essa é uma rede gigante norte-americana e vai muito além das famosas cheesecakes. Eles têm um cardápio super extenso e solicitando ao garçom eles te entregam o que detalha quais tem glúten/leite.

Quando fui eles estavam com um menu novo especial de comidinhas mais leves e fits, e foi dele que escolhi esses Summer Rolls que estavam deliciosos, são recheados de macarrão de arroz, camarão, cenoura e aspargos.

dicas-sem-gluten-lactose-miami

Não me lembro o que comi de prato principal, mas acho que foi frango grelhado com salada e batata frita.

Esse fui no Dolphin Mall, mas tem em várias localidades e em todas as cidades dos EUA.

Preço: $$

Jucy Lu

Essa casa de sucos é uma graça!! Fica no bairro de Wynwood, que é todo estiloso, cheio de galerias de arte, cafeterias fofas e aonde ficam as Wynwoods Walls, sabem? Aquelas paredes grafitadas, bem legais.

A dona é um amor de simpatia e o staff super atencioso. Os sucos delas são uma delícia e eles tem opções para almoço e snacks rápidos, doces e salgados.

dicas-sem-gluten-lactose-miami

O shot de gengibre “Zinger” é levanta-defunto hahaha tomei dois para ver se segurava as pontas da infecção. Os cookies de cacau deles são simplesmente incríveis e a tâmara, recheada com amêndoas e coberta com chocolate e laranja também é uma delícia.

Preço: $

Jugo Fresh

O Jugo Fresh também é uma casa de sucos e também fica em Wynwood.

Lá, fui com minha amiga que mora em Miami, Chef Paty (instagram dela aqui), que inclusive gravamos um vlog com dicas, mas que nenhuma das duas teve a vergonha na cara de editar ainda ihihihih vou fazer isso, prometo!

Nós comemos lá um El Dragon bowl – vinha pitaya, leite de amêndoas, banana, mel, chia, granola de trigo sarraceno e chips de coco. A cor dele era divino, mas nós achamos que a granola podia estar mais crocante.

dicas-sem-gluten-lactose-miami

Eu e o meu El Dragon 

Preço: $

Bunnie Cakes

Essa confeitaria é um AMOR!!!!! Toda cor-de-rosa e com decoração fofissima! O melhor? Ela é inteira vegana, ou seja, nada de leite e derivados.

Eles tem também uma linha toda sem glúten e eu provei vários dos mini cupcakes!

dicas-sem-gluten-lactose-miami

Meu preferido foi esse Red Velvet

Os demais sabores achei todos meio doces demais e nenhum se destacou muito sabem? Mas vale muito a visita, porque o lugar é uma graça, e a dona inclusive participou de um episódio do Cupcake Wars – conhecem? Eu adoro hahaha

Preço: $

La Mar

Esse é um restaurante peruano ótimo com lojas em vários países, inclusive aqui no Brasil, em São Paulo.

Como estava em Brickell Island e fica super perto eu fui duas vezes hihihihih Adoro comida peruana, principalmente os ceviches, e os deles são ótimos!

dicas-sem-gluten-lactose-miami

Os pratos principais também são uma delícia.

Comi um arroz de frutos de mar que estava divino – e eles fizeram sem manteiga e leite e derivados especialmente.

Preço: $$

Bom, que eu me lembre é isso!

Fui em alguns outros restaurantes, mas nada que tenha se destacado, então preferi deixar esses mesmos só!

Confira dicas de viagem atualizadas na #lactosenaoviaja no meu Instagram!!

Alguém conhece outros??

Um beijo!

 

Sobre o Autor

Flavia Machioni

Flavia Machioni

Eu sou a Flavia, autora do Lactose Não. Sou especialista em cozinha natural, Health Coach formada pelo IIN/NY e Relações Públicas de formação. Faz 7 anos que venho mudando meu estilo de vida para ter mais saúde e bem estar e divido grande parte desse caminho aqui e em minhas redes sociais.

1 comment on “Dicas sem glúten e lactose em Miami

  • 2 de agosto de 2015 at 10:18
    Manuela

    Apenas para acrescentar a sua matéria sobre locais de alimentos (no caso, cafeteria) sem lactose em São Francisco. Descobri que o Peet’s Coffee e Tea (da região) faz café com leite de soja ou amêndoa.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Politica de Cancelamento para Cursos Online - Empresa Lactose Nao - F.M.M. MEI (CNPJ: 19.521.725/0001-53)

l