África do sul – planejando a viagem e onde ficar

África do sul – planejando a viagem e onde ficar

Oii! Se você me acompanha no Instagram, viu que fim do mês passado tirei férias e fui conhecer a África do Sul. Hoje venho dividir o que comer, fazer e onde ficar por lá.

Viagem pra mim começa sempre antes de chegar ao destino: o planejamento, pesquisa, escolha, preparo, é tão divertido quanto quando já estamos lá curtindo e vendo o que estávamos esperando e imaginando.

Eu gosto muito de viajar e desde que descobri minhas intolerâncias alimentares não deixei de ir a lugar algum! Claro que tomo alguns cuidados antes e durante a viagem, mas nada que me faça perder o sono ou a animação da viagem que está por vir!

Sempre que posto sobre minha viagem e meus preparos recebo muitas dúvidas, por isso eu desenvolvi um e-book gratuito: SOS Viagem com dicas e receitas para ajudar sua organização da viagem.


Enquanto fazia esse post vi que tenho muito o que compartilhar, por isso em vez de fazer apenas um, dividirei os assuntos. Assim ajudo vocês e organizo melhor as ideias e dicas!

Nesse vou falar dicas gerais sobre a viagem como: cidades que visitei, como me locomovi, como cheguei de uma cidade a outra, onde comprei chip de internet e minha impressão geral sobre o país.

Cidades que visitei

Vou ser o mais detalhista possível nas dicas e relatos, ok? Espero que ajude!

Eu visitei Cape Town, Albertinia, Stellenbosch e Joanesburgo.

De maneira geral eu achei uma viagem barata. Comparando com outras viagens internacionais que fiz, essa foi uma das com melhor custo benefício.

Eu levei dólares e troquei lá pela moeda local, o Rand. Pelas contas que fizemos valia mais a pena.

Fiquei 10 dias lá e troquei US$600. Foi basicamente o que usei, fora algumas poucas compras no cartão de crédito – estou dividindo isso para caso você esteja em dúvida de quanto levar na viagem 🙂

Não me preocupei muito em ficar fazendo conversão de moeda durante a viagem, até porque não sou o tipo de viajante que compra coisas. Eu uso meu dinheiro em passeios, comida e bebida, e para esses fins a quantia ali de cima foi suficiente.

Comi e bebi super bem (e bastante kkk).

Vôo

Voei pela Latam de Guarulhos (SP) a Joanesburgo.

Primeira dica antes de embarcar é preparar suas refeições: seja levando algo pronto de casa em uma lancheira térmica – para saber como clique aqui – ou solicitando refeição especial para a companhia aérea – veja aqui como.

Eu fiz os dois, levei lanchinhos comigo e solicitei a refeição sem lactose pra Latam. Ainda bem que levei comida comigo porque a comida estava péssima!!! ?

Já fiz vários vôos internacionais com a Latam e esse foi o primeiro que simplesmente não dava pra comer. Comida de hospital deve ser mais interessante.

Serviram arroz com um peito de frango pálido e sem gosto NENHUM. Assustador até hahaha.

Até comentei com a comissária, que foi muito atenciosa, e depois avaliei o vôo deixando essa observação – o que é imprescindível para tentarmos melhoria no serviço.

Enfim, sem estresse porque estava super preparada! Então, fica a dica! Meu e-book gratuito vai te ajudar.

Locomoção nas cidades e entre as cidades

De Joanesburgo para Cape Town peguei vôo interno pela Mango. Ida e volta saiu por R$490.

Em Cape Town alugamos carro, que usamos para ir para o Cabo da Boa Esperança, Albertinia e Stellenbosch.

As estradas que pegamos eram ótimas, muito seguras e bem sinalizadas.

O ideal é levar a PID (permissão internacional para dirigir). A minha não ficou pronta a tempo, mas minha amiga estava com a dela e não tivemos problemas.

Para nos locomovermos em Joanesburgo e na Cidade do Cabo nós usamos Uber.

O serviço é bem tranquilo nessas cidades, não tivemos problema nenhum. As tarifas de Uber em Cape Town são muito baratas, tipo R$6-10 cada corrida.

Em Joanesburgo já é mais caro, R$30-50 pelo menos.

Chip de internet

Blogueira que se preze tem internet em qualquer lugar né! hahahha

Apesar de estar de férias, preferi estar conectada. Não tanto pelo trabalho, mas pela segurança e praticidade de ter Google Maps, Waze, Trip Advisor e Uber – aplicativos que na minha opinião são fundamentais para qualquer viagem (dentro ou fora do Brasil).

Comprei meu chip no aeroporto de Cape Town na loja da Vodafone. Paguei acho que em torno de R$100-200 para 2GB de internet + o chip.

Pegou super bem em todas as cidades e estradas que andamos.

Minha impressão sobre a África do Sul

Eu fiquei encantada pelo país! Além de ter cidades muito diferentes, com paisagens e estilos diferentes, a história deles é incrível.

Fiquei emocionada diversas vezes, principalmente nos passeios mais culturais pelos bairros símbolos do Apartheid, leia mais aqui.

Amei todas as cidades que conheci, achei as pessoas muito simpáticas e o serviço muito atencioso.

O país é corrupto como o nosso, mas parece que eles aprenderam algo com a história que nós ainda não aprendemos.

Eles têm investido muito no turismo e parecem bem preparados para nos receber, algo muito legal e que poderíamos nos inspirar.

Bom, poderia ficar nas minha reflexões, mas vamos logo ao próximo post! Até porque, se você for para lá, você terá suas próprias experiências e percepções.

Inclusive vou adorar saber quais são! Comenta aqui!!

Veja os outros posts sobre a África do Sul:

Beijinhos!

 

Sobre o Autor

Flavia Machioni

Flavia Machioni

Eu sou a Flavia, autora do Lactose Não. Sou especialista em cozinha natural, Health Coach formada pelo IIN/NY e Relações Públicas de formação. Faz 7 anos que venho mudando meu estilo de vida para ter mais saúde e bem estar e divido grande parte desse caminho aqui e em minhas redes sociais.

2 comentários em “África do sul – planejando a viagem e onde ficar

  • 26 de setembro de 2018 at 6:53
    Janaina

    Flávia como você faz no retorno dessas viagens internacionais já que os lanchinhos só duram na ida?
    Adoro suas dicas. Parabéns pelo trabalho!

    Reply
    • 27 de setembro de 2018 at 8:12

      Oi Janaina!
      No retorno eu compro algo pronto no país em que estou e levo comigo, obedecendo as mesmas regras da ida.
      Mais prático 🙂

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Politica de Cancelamento para Cursos Online - Empresa Lactose Nao - F.M.M. MEI (CNPJ: 19.521.725/0001-53)

l