A Lactose e Eu – Inaiá Milreu

Oii amados lindos!!

Hoje temos mais um depoimento no A Lactose e Eu, a Inaiá Milreu veio dividir sua história com a gente. Obrigada Inaiá!!!

Quem quiser participar, mande sua história no meu e-mail: [email protected]

“Oi gente!

Ao contrario da maioria dos intolerantes que sofrem com diarréia e outros sintomas eu incho, retenho muito liquido, fico com barriga de grávida e intestino preso. Sempre tive muita dor de cabeça, cheguei a consultar neuro pra ver se tinha alguma coisa, fiz exames e nunca deu nada. Tomava analgésico todo santo dia! Nunca fui gorda, tava sempre numa sanfona, entre 58 e 52kg, me definia como uma gordinha gostosa, rsrs, sempre com muito bumbum e perna grossa.

Antes de descobrir as intolerancias - 59 kgs - fev2013

Antes de descobrir as intolerâncias, com 59 kg – fevereiro/2013

Como todo mundo aqui sempre tive vários sintomas que nunca foram descobertos. Sempre depois que comia (comia mto pouco, minha mãe dizia que eu ciscava) comentava que parecia que tinha comido um boi, aquela sensação de má digestão, barriga de gravida de 5 meses, dor de gases. Isso desde a época da escola, e até uma amiga que sempre tirava sarro de mim no colegial, hoje é nutricionista funcional e a gente lembra e da risada da desconfiança dela. Sempre vivi com isso e nunca procurei medico nenhum. Acho que se fosse diarréia minha mãe teria ficado mais preocupada, rsrs, mas ela me dava um sal de fruta e só. Meu intestino sempre foi muito preso, desde criança, lembro que até ano passado eu ia no banheiro com laxante 1x por semana!!! E só com laxante! Minha alimentação sempre foi muito ruim, só comia besteira e não gosto de legumes e vegetais.

Antes de descobrir as intolerancias - 56kgs - abril2013

Antes de descobrir as intolerâncias, com 56 kg – abril/2013

Fui em uma nutricionista em agosto/2013 e ela falou que possivelmente eu era intolerante a lactose e gluten, disse que não concordava com exames, que muitas vezes davam falso negativo, que o melhor a fazer era tirar e ver a melhora no dia a dia. Retirei o gluten e a lactose, fui bem neurotica e não comi nada deles por 1 mes, foi bem dificil, só tava me preocupando em não comer lactose e gluten então comia muito macarrão de arroz, pipoca, batata frita, mandioca frita. Não tava nem um pouco me preocupando em ser saudável. Perdi 4 kgs nesse 1 mes, mesmo comendo fritura e só comidas gordas, meus sintomas todos melhoraram muito, me senti muito melhor, passei a ir mais vezes no banheiro e sozinha, sem laxante. Minha nutricionista disse que eu realmente era intolerante e ponto final. Na época lembrei de um IG de uma amiga Nanda que tem o ZeroGLutenZeroLactose e através dela fui conhecendo outros IGs, como o da Amabile, da Flavia e da Aline. Fui vendo como elas eram saudáveis além das intolerancias e fui aprendendo a ser também, coisas básicas como trocar o açucar, a farinha de arroz, o óleo, a manteiga. Depois desse 1 mes parei de ficar tão neurótica e muito de vez em qdo, somente em festinha ou quando saia com os amigos que comia algo com leite ou gluten, percebi que quando vc fica muito tempo sem eles quando come qualquer coisa mesmo que seja minimo o estrago é pior né, mas como era só de vez em quando eu não ligava muito. Mas fiquei saudável, fazia minha própria comida, cortei a fritura, tds os hábitos nada saudáveis, parei de comer industrializados. Aos poucos fui perdendo mais 6 kgs. No total perdi 12, fiquei com 49 kgs pra 1,56, sem massa magra, toda caida e molenga! hahahaha.

Depois de 4 meses sem gluten e lactose - 49kgs - jan2013

Depois de 4 meses sem glúten e lactose, com 49 kg

O que aconteceu aí, é que fui viajar pro Peru em novembro/2013, nunca tinha viajado nessa situação e pra mim foi impossível manter, eu meio que tirei umas férias e comia qualquer coisa que dava, que era barato e facil. Passava mal mas não tava viajando sozinha e era meio dificil das pessoas entenderem que eu não podia viver de chips e bolacha, acho que até por estar saudável sem comer nada de industrializado, de repente comer essas coisas não me fazia bem nenhum, logico, também fiquei 1 semana sem ir ao banheiro, fui no ultimo dia. A viagem e a companhia não foram boas pro meu organismo, voltei e tive a pior alergia respiratoria da vida! Foram 1 mes de antibioticos, fiquei cheia de ferida na boca, não conseguia comer nem tomar água, perdi mais 3 kgs, fiquei com 46kgs, a conjuntiva e a gengiva fazem parte do sistema respiratorio (engraçado mas é isso mesmo) então me deu conjuntivite alergica, minha gengiva ficou tao inflamada que sangrava, o olho tao inflamado q eu acordava parecendo um monstrinho com o olho mega inchado e vermelho. Melhorei da sinusite, então parei com os antibioticos, mas como a alergia no olho e na gengiva ainda continuava eu tive que ir pro corticoide. Fiquei nele 3 meses!! =0 Corticoide -> incha -> barriga de gravida -> fome de leão. Fui pra 51 kgs no final dos 3 meses. Só que enquanto tomava o corticoide ficava ora comendo td certinho, ora viajava comia td errado e pra voltar a comer certinho era um parto.

Vocês ja sentiram essa abstinencia? É muito forte! Sempre que viajo e como errado, quando volto é muito dificil voltar a comer certo. E pra falar bem a verdade eu viajei muito esse primeiro semestre e foi muito dificil ficar certinha como quando eu descobri as intolerancias. Fico 3 semanas certinha e 1 mes e meio comendo errado, depois a mesma coisa…

Em maio/2014 fui pra Italia! Como não comer gelatos, pizzas e lasagnas?!?! Me afundei na lactose, mergulhei fundo mesmo!! Comia 2 gelatos de kinder bueno por dia, pizzas inteiras, lasanhas e macarronadas, tudo com muito queijo! Não achei nada sem lactose lá! Brincadeira! achei algo que devia muito ter no Brasil! Salame sem derivado de leite!! Amo salame demais! Unico embutido que ainda comeria! Foram 20 dias de pura lactose, 4 kgs de pura retenção de liquido (da pra saber quando é só olhando e apalpando minhas coxas). Voltei, em 1 semana já perdi 2, tentava voltar a ser saudável mas a questão da abstinência não deixava. Passado 2 semanas comecei a namorar e aí não teve jeito, fiquei imaginando como seria chato nunca poder nada e tal e larguei de vez, fazíamos muitos doces. Até que passei mal 4x seguidas que saímos, ficava com aquela linda barriga, sexy, de 5 meses de gravidez. Ainda bem que ele brincava com isso: falava que era o Arthurzinho, diminutivo do nome dele, rsrs. Aí ele me deu uma bronca e falou pra eu parar e comer certo. Fui numa nutricionista esportiva, paguei 3 meses de academia, refiz minhas compras em lojas naturebas. Foi quando me deu a pior alergia respiratória de tds!! Começou com rinite, que passou pra faringite, que passou pra sinusite, mais gengiva e olhos inflamados, ou seja, corticoide! Pronto! Bem quando eu queria ser saudável já me vem todos esses remédios com lactose na composição + o corticoide. Mas dessa vez eu mantive o foco e apesar de tudo isso, fui tirando a lactose e glúten o Maximo que eu podia.

Até que fui na nutri e levei uma bronca, ela disse que eu não devia ter tomado remédio com lactose na composição, que eu tenho que avisar o medico antes, porque o que causou tudo isso foi a lactose, todas essas alergias foram por causa do leite, e não adiantava nada tratar a alergia respiratória com remédio com lactose no meio! Me proibiu terminantemente de comer leite e derivados e estou obedecendo. Não parei a academia e a dieta e por isso só inchei 2 kgs por conta do corticoide. Fazem 1 semana que parei o corticoide e 3 dias que parei o antibiótico. Foco na academia e na dieta porque quero voltar a ter o corpo de 49 kgs mas com mais alguns kgs de massa magra pra não ficar toda flácida. 46 tava muito feio, só o osso! Tenho 24% de gordura e quero chegar nos 18%. Esse bichinho da lactose faz muito mal mesmo pra gente né, não podemos descuidar! E ah, aquela enzima lactase não faz diferença nenhuma pra mim.

Parabéns Flavia por essa iniciativa que ajuda todos os intolerantes!!

Beijos”

Gostaram do depoimento da Inaiá?
Acompanhe o Lactose Não nas redes sociais também, e fique por dentro de tudo 😉 Youtube, Facebook, Instagram e no Snapchat procure por lactosenao.

flaviamachioni_bannerwebtodasapostilas02

Sobre o Autor

Flavia Machioni

Flavia Machioni

Eu sou a Flavia, autora do Lactose Não. Sou especialista em cozinha natural, Health Coach formada pelo IIN/NY e Relações Públicas de formação. Faz 7 anos que venho mudando meu estilo de vida para ter mais saúde e bem estar e divido grande parte desse caminho aqui e em minhas redes sociais.

1 comment on “A Lactose e Eu – Inaiá Milreu

  • 28 de setembro de 2014 at 11:23
    Shirley

    Bom dia Flávia.
    Me chamo Shirley, tenho 53 anos e intolerante desde q nasci, só q depois de adulta q vim saber q era. Parece estranho falar isso mas minha mãe e tias me contavam q eu dei muito trabalho q era elas me darem mamadeira e ficarem comigo no colo q não demorava muito para q eu vomitasse td. Fui criada sem leite, não podia comer queijo q passava mal e eu levei isso por anos sem saber q era IL. Depois de muito passar mal, tive uma das piores crises da minha vida qdo viajei com meu marido para Penedo, tive q interromper a viagem, acredite minha prisão de ventre foi tamanha a ponto de aparecer no exame q todo meu intestino estava tomado de fezes, não conseguia mais comer e se tentasse vomitava. Sei q a maioria das pessoas sofrem de diarreia mas no meu caso foi diferente descobri através da minha prisão de ventre. Eu qdo como algo q não posso passo muito mal e ter diarreia pra mim é um presente q só assim para de passar mal pq senão as dores são insuportáveis na barriga e a dor de cabeça e ânsia de vomitos não param.
    Estou te escrevendo isso para deixar a minha experiência de vida para q de alguma maneira possa ajudar a pessoas q passam por situações como a minha. Tento seguir a dieta mas te confesso q as vezes é muito difícil não comer o q se tem vontade mas pagamos um preço bem caro por isso. Participar de um site, um facebook e conviver com pessoas iguais a nós nos ajuda e nos incentiva a fazer dieta e ter uma qualidade de vida melhor. Pelo sites de intolerantes q é vim descobrir os motivos das dores de cabeça, das crises de sinusite, da minha barriga as vezes ficar tão grande q pareço estar gravida e qdo faço dieta ela some e q muitos remédios contem lactose e passamos mal ao invés de melhorar.
    Sei q seria muito fácil seguir uma dieta e não ter q passar por tantos sofrimentos, por isso aprender uma nova culinária sem lactose é td q nós precisamos.
    Obrigada e 1000 bjs. 🙂

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *