Bolo de fubá com goiabada sem glúten e lactose


Oii amigos!! Hoje quero dividir com vocês essa receita de bolo de fubá com goiabada sem glúten e lactose super fácil e delicioso.

Quanto tempo eu não vinha aqui, né?! Céus!

Se por acaso você só me acompanha por aqui, saiba que lá no Instagram eu apareço todo dia, com dicas, receitas, novidades, etc.. clique aqui e me siga lá. Assim não ficamos tanto tempo sem notícias uns dos outros 😊.

Bom, época que amo é junho e as festas de São João. Já tenho algumas receitinhas incríveis aqui no blog, como essa canjica, bolo de aipim e bolo de milho.

Mas receita boa nunca é demais né?!

A versão de bolo de fubá com goiabada que ensino hoje ficou muito especial.

A massa é mais líquida, não estranhe quando fizer. Veja no vídeo abaixo:

Resolvi trocar parte da farinha de milho (fubá) por farinha de amêndoas e UAU, que delícia que ficou!

Nesta versão não utilizei leite de coco, usei água, mas para manter um leve gostinho de coco eu optei por usar o óleo de coco extravirgem.

Você pode usar outro tipo de óleo, como o de girassol ou a manteiga ghee se você consumir. Não indico óleo de milho ou soja pois promovem inflamação no organismo.

E, claro, pode usar leite de coco em vez da água.

Para ficar mais fácil, veja as substituições possíveis:

  • Farinha de amêndoas: pode usar qualquer outra farinha de oleaginosas (castanhas, por exemplo) ou até alguma fécula/amido. Ou, pode usar mais do fubá.
  • Óleo de coco: manteiga ghee ou óleo de girassol
  • Água: leite de coco ou qualquer outro leite vegetal.
  • Açúcar demerara: açúcar mascavo, de coco ou outro.

Essa receita pode ser congelada e por isso indico que faça em forminhas individuais! Assim pode ter lanchinho ou bolo fresquinho pro café da manhã sempre 🙂

Ingredientes:

  • 2 ovos

  • 1/2 xícara de açúcar demerara

  • 1/4 xícara de óleo de coco extravirgem

  • 1/2 xícara de farinha de amêndoas

  • 1/2 xícara de fubá

  • 1/4 xícara de água

  • 1 colher de sopa de fermento em pó

  • 8 colheres de chá de goiabada – opcional

Instruções:

  1. Em uma tigela bata os ovos, açúcar e óleo até ficar bem cremoso e levemente espumoso. Pode fazer na mão, liqüidificador ou mixer.
  2. Adicione as farinhas e misture bem.
  3. Acrescente a água, misture novamente até ficar bem homogêneo.
  4. A consistência da massa é líquida.
  5. Por fim, coloque o fermento e mexa bem.
  6. Coloque 1 colher de chá de goiabada em cada forminha de bolo.
  7. Despeje a massa em cima até 2/3 da capacidade.
  8. Caso queira a goiabada mais pro meio da massa, coloque primeiro a massa e depois a goiabada.
  9. Asse em forno pré-aquecido à 180 graus por 20-30 minutos.

10 comentários em “Bolo de fubá com goiabada sem glúten e lactose

  • 24 de junho de 2018 at 12:06
    Monique Marchiori

    Flávia, vc já fez sem ovo? Como poderia substituir ele?

    Reply
    • 16 de julho de 2018 at 11:10
      JDMaia

      Digite no Google “substituto do ovo” e escolha o seu.

      Reply
  • 24 de junho de 2018 at 21:04
    Malu

    Flávia, acabei de fazer o bolo, ficou delicioso!!
    Dobrei a receita mas a água só coloquei 50 ml.
    Salpiquei erva doce sobre a massa antes de assar.
    Obrigada por compartilhar.
    Tirei foto, t4m onde colocar?
    Bjs

    Reply
    • 25 de junho de 2018 at 18:08

      Oi Malu!! Ai que delíciaaa!
      Manda lá pelo Instagram! Já me segue? É @flaviamachioni.
      Beijinhos

      Reply
  • 6 de julho de 2018 at 18:35
    Helen

    Fiz e ficou uma delícia! Substitui a água pelo leite de amêndoas. Sucesso aqui em casa!!!
    Obrigada, Flavia!

    Reply
  • 12 de julho de 2018 at 10:36
    Ana Paula

    Oi Flávia, bom dia!!
    Gostaria de saber a validade do bolinho. Não refrigerado e refrigerado.
    Obrigado! Bjinhos!!

    Reply
    • 13 de julho de 2018 at 15:57

      Oi Ana Paula! Comida caseira não tem prazo de validade determinado, depende das condições de armazenagem e do ambiente da sua cozinha.
      Guarde até estar com aparência, cheiro, consistência de como estava quando ficou pronto.
      Bjs

      Reply
  • 12 de julho de 2018 at 13:23
    Ana Paula

    Flávia, você falou que pode congelar.
    Por quanto tempo?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *