O que passar no pão?

Se tem uma coisa que acho que todo intolerante à lactose pensa quando é diagnosticado é: o que passar no pão? Não é?

Eu pelo menos no primeiro momento pensei: ok, geléia! hahahahaha

Ainda bem que descobri que não estava perdida (de novo). Hoje em dia conheço várias opções gostosas para passar no pão, e quero dividir com vocês algumas 🙂

Opções de manteiga, patês, cremes e pastas. Algumas coisas você pode torcer o nariz e me achar esquisita, e tudo bem, há uns anos atrás eu também ia achar isso. Mas o paladar muda, os hábitos também, e hoje em dia eu acho uma delícia todas as opções que vou dividir aqui. Vamos dar uma chance ao novo? 😉

Dividi em “manteigas”, “queijos”e pastinhas/patês.

Vamos lá!

“Manteigas”

Manteiga Ghee, ou clarificada

manteiga-ghee

Os dois recipientes maiores são as impurezas, resíduos e a lactose que uma manteiga comum tem. Comprei uma marca famosa no mercado para mostrar tudo o que adicionam na manteiga que não precisamos nem devemos consumir!

Ela já apareceu aqui em várias receitas e eu já ensinei a fazer aqui. A Manteiga ghee não tem lactose e é bem segura para nós intolerantes.

Eu tenho também alergia tardia à proteína do leite e não tenho reações com a manteiga ghee, mas não é consenso entre os nutricionista que ela é 100% segura. Então se esse é seu caso, melhor conversar com seu médico/nutri.

“Manteiga” de azeite.

manteiga azeite de oliva

Lembram? Só colocar azeite de oliva extravirgem em um recipiente e deixar no congelador. Se quiser adicione orégano, manjericão, ervas finas, etc.

Manteiga de Amêndoas (ou outras oleaginosas)

Ingredientes:

Amêndoas cruas e sem casca (se quiser ela clarinha como a da foto, se não pode ser com casca mesmo) – pode fazer com amendoim, castanha de caju, do Pará, macadâmias, nozes, etc

Gotinhas de extrato de baunilha – opcional, mas fez toda a diferença!

o-que-passar-no-pao

Modo de preparo:

Bata as amêndoas no processador ou liqüidificador potente até ficar bem cremosa. Eu faço na Thermomiz, que é bem potente e rápida.

Tenha paciência e vá raspando as laterais de tempos em tempos. Quanto mais você bater, mais cremosa fica.

Na Thermomix fiz em 6 minutos, no processador normal acho que vai levar pelo menos uns 15-20 para chegar nessa consistência.

Você pode adicionar especiarias e temperos, adoçar, colocar um pouquinho de sal, enfim, inventar!!

“Queijos”

“Requeijão” sem lactose caseiro

requeijao-sem-lactose

Ingredientes:

250g de tofu

1 colher de sopa de azeite de oliva

1/2 ou 1 limão espremido

1 colher de sopa de água mineral

1 colher de chá de sal

Bate tudo no liqui ou processador e vá provando até acertar o tempero. O meu eu gosto nessas quantidades, mas você pode ir testando até chegar no seu ideal! Guarde em pote fechado na geladeira por até 4 dias (fique atento ao prazo de validade do tofu).

Eu não curto muito a soja, mas o tofu é uma das poucas exceções que abro pois é uma das formas mais fáceis de digerir. Dê preferência ao orgânico, ok?

“Creamcheese” sem lactose

Esse creamcheese eu me inspirei em umas receitas que procurei na internet e juntei várias em uma. Ficou muito legal, usei como cobertura numa tentativa de Red Velvet funcional, cobri pizzas e também já comi na torradinha de arroz com geléia.

creamcheese-sem-lactose-vegano

Ingredientes:

250g de tofu

1/2 xícara de castanha de caju cruas, sem sal, deixadas de molho por pelo menos 8 horas

1 a 1 e 1/2 limão

1 colher de café de sal

1 colher de café de mel, xarope de agave ou maple syrup

1 colher de café de goma xantana – para ajudar na textura, mas não é obrigatório.

Leve todos os ingrediente no liqui ou processador, menos a goma xantana. Bata bem, até virar um creme, e então adicione a goma para dar textura. Armazene em pote fechado na geladeira por até 4 dias.

Tofupiry

tofupiry

A receita aqui, ele é ótimo para pizza, massas, etc.

Patês e pastinhas

Homus – pasta de grão de bico

O grão de bico é um super alimento, já falei dele aqui. Rico em proteínas e delicioso.

homus

Ingredientes:

1 xicara de grão de bico cozido

1 colher de sopa de tahine

1 colher de sopa de azeite de oliva

1 colher de chá de sal

1/2 limão espremido

Mesmo processo: bate tudo no liqui ou no processador, se necessário adicione um pouco de água (pode ser a do cozimento do grão de bico). Eu adoro passar no pão, torrada ou comer com cenoura, pepino, etc.

Você ainda pode fazer um hommus colorido, e por exemplo, adicionar beterraba! Neste adicionei beterraba crua, ralada. Olhem que lindo e delicia:

hommus-beterraba

Agora opções com a minha amada Biomassa de Banana Verde!!! <3

Maionese – receita aqui.

maionese-biomassa-banana-verde

Receita super prática e fica muito deliciosa!!!

Patês de biomassa de banana verde 

patê de biomassa

Esse sábado eu participei da reinuaguração da VegVeg Empório Vegetariano, minha loja preferida aqui em Curitiba. Fui bater um papo sobre alimentação e intolerância à lactose e levei uns quitutes. Entre eles dois patês que fiz com a biomassa e fizeram um super sucesso. Eles são absurdamente fáceis de fazer, e ninguém diz que é com biomassa!!!

Patê de manjericão:

5 colheres de sopa de biomassa de banana verde amolecida

1 punhado de folhas de manjericão frescas e limpinhas

1 colher de sopa de azeite de oliva

1 colher de sopa  de mostarda dijon

Sal, pimenta e temperos à gosto

Leve tudo no liqui ou processador e bata bem. Pronto! hahaha

A validade da biomassa na geladeira é de 5 dias, então conte a validade de seu patê a partir do dia de preparo dela.

Patê de tomate seco:

5 colheres de sopa de biomassa de banana verde

6 a 8 tomates secos – eu comprei temperado já, então só usei isso

Caso o seu não venha temperado:

1 dente de alho espremido

1 colher de sopa de azeite de oliva

Sal, pimenta e orégano à gosto

Leve tudo no liqui ou processador e bata bem até virar um pasta homogênea. Pronto!

A validade da biomassa na geladeira é de 5 dias, então conte a validade de seu patê a partir do dia de preparo dela.

Por fim, uma opção que talvez você ache esquisito, mas que garanto que fica uma delícia: ABACATE!!!

o-que-passar-no-pao-

O avocado, aquele menorzinho, é super cremoso e fica muito gostoso no pãozinho/torrrada. Se usar o comum, amasse com um garfo, tempere com limão, sal e um fiozinho de azeite de oliva e use como um patêzinho!

Essas são algumas das opções que eu uso e que adoro. Todas são fáceis de fazer e são super saudáveis!!!

E aí, o que acharam?

Se você não me acompanha ainda nas redes sociais corre lá que tenho postado muita coisa: Youtube, Facebook, Instagram.

Um beijo!!!!

Sobre o Autor

Flavia Machioni

Flavia Machioni

Oiii, eu sou a Flavia, autora do Lactose Não. Aqui, divido minhas invenções na cozinha, dicas de viagem, mostro meu estilo de vida e passo um pouquinho do que tenho aprendido desde que descobri ter alergias alimentares ao glúten e leite :)

43 comentários em “O que passar no pão?

  • 18 de março de 2014 at 11:36
    paula

    Adoroooooo todas hehehe!!!

    Reply
  • 18 de março de 2014 at 13:37
    Karina KAufman

    Oi Flavia,
    tudo bem?
    Quanto que custa a biomassa de banan verde que vc vende?

    Obrigada

    Reply
  • 18 de março de 2014 at 15:40

    Minha dificuldade tbm é esta, o que vou passar no pão?”. Ontem comprei um queijo Cottage sem lactose, é difícil mesmo não saber o que passar no pão.
    Já fiz a biomassa de banana verde vou fazer estes temperos, tomara que fique bom.
    Obrigada pelas dicas.
    Bjs

    Reply
    • 18 de março de 2014 at 16:21

      Vicentina, depois me conte se gostou!!
      O pessoal que provou adorou 🙂
      bjs

      Reply
  • 18 de março de 2014 at 23:53
    Jessica pimentel

    As receitas que você coloca o tofu, não teria outro substituto? Obrigada

    Reply
    • 19 de março de 2014 at 10:51

      Oi Jéssica!
      Você pode fazer com biomassa se quiser, tempere ela ao seu gosto e veja o que acha! Também tem a opção de utilizar abacate, eu adoro, mas depende do paladar daí né!!
      um beijo

      Reply
  • 19 de março de 2014 at 10:49
    Mari Bueno

    Ótimas dicas!! 😀
    Vou fazer o requeijão!!

    Beijos

    Reply
  • Pingback: A Lactose e Eu - Gabriel - Lactose Não

  • 12 de abril de 2014 at 0:59
    Patrícia

    Uma dica : queijo mozzarela tofutti (o nome é assim) , derrete no pão de forma branco schar e fica ótimo

    Reply
  • 27 de maio de 2014 at 9:50
    Nailza Marcondes Cordeiro

    Flavia, depois que descobri seu site, através da Amabile, não larguei mais!
    Este final de semana fiz o patê de Biomassa com manjericão, para comer com o pão de amêndoas da Amabile. O resultado foi nota 1000. Super aprovado por todos! Quem ainda não fez pode fazer que o sucesso é garantido!
    Beijos e obrigada

    Reply
    • 28 de maio de 2014 at 23:52

      Oii Nailza!!
      Que bomm! Nossa deve ter ficado uma delícia mesmoo 🙂
      um beijo

      Reply
  • 29 de agosto de 2014 at 11:06
    Neide

    Parabéns pelo blog!
    Fiz um doce de tapioca (tapioca granulada, adoçante linea, coco ralado, leite de coco e leite de soja) pois minha filha tem intolerancia a lactose) e todos adoraram . Saberia me dizer se o leite de soja é completamente isento e pode ser consumido sem restrições em substituição ao leite comum nas receitas ? E quanto aos leites zero lactose – são confiáveis ?

    Reply
  • Pingback: Massa de pizza sem glúten e lactose - Lactose Não

  • 26 de novembro de 2014 at 17:58
    claudia timm

    Oi Flavia, experimentei fazer o Tofupiry com o tofu “lac max” não ficou agradável para o meu paladar, Tem alguma marca especial que você utilize?

    Reply
  • 5 de janeiro de 2015 at 19:33
    Ivam

    Parabéns. Adorei as receitas.

    Ivam

    Reply
  • 22 de fevereiro de 2015 at 22:04
    Luana

    Olá, gostaria de saber se a biomassa de banana verde usada nas receitas é a em pó?

    Reply
    • 23 de fevereiro de 2015 at 16:30

      Oi Luana!
      Não. Farinha de banana verde é diferente de biomassa de banana verde, uma é feita da casca enquanto a outra é a polpa da banana verde cozida. Quando digo biomassa, falo sobre a polpa 🙂

      Reply
  • 7 de maio de 2015 at 9:19
    Doris Farias

    Amei teu blog, parabéns, meu sobrinho-neto de 3 meses tem APLV e minha sobrinha entrou na dieta sem leite de vaca pra continuar amamentá-lo, com isso deixou de comer pratos deliciosos que fazemos a anos em familia, que ela ama, então na busca por um substituto para o requeijão cremoso cheguei ate vc. Flavia, muito obrigada por compartilhar conosco suas receitas deliciosas e assim tornar a vida de quem tem intolerâncias mais gostosa, Jesus a abençoe sempre, bjs.

    Reply
  • 23 de julho de 2015 at 9:34

    Flávia, como é feita a conservação dos patês? Dura quanto tempo na geladeira? Pode ser congelado?

    Reply
    • 23 de julho de 2015 at 11:08

      Matthaeus, os patês duram em média 5 dias refrigerados.
      Alguns podem ser congelados, outros vão ter alteração na textura, como os de biomassa e tofu.
      bjs!

      Reply
  • 30 de agosto de 2015 at 19:57
    Betina frisso

    Olá, queria saber se é aconselhavel comer a margarina Becel e o requeijao Requeisoy da marca Lifeco. para qualquer tipo de alergia (IL e APLV). Descobri eles a um tempo e acho muito bons! Tbm tem pastas de tofu de varios sabores no supermercado!

    Reply
  • Pingback: Café da manhã sem glúten e lactose - Lactose Não

  • 8 de setembro de 2015 at 9:27

    Bom dia! Quando uso tahime o meu patê fica com um leve fundo amargo, também acontece com você? OU sabe me dizer porque?
    Achei muito interessante as suas receitas vou por em prática, parabéns pela iniciativa desta publicação

    abraços a todos
    Rose

    Reply
    • 8 de setembro de 2015 at 13:01

      O Tahine tem um gosto mais forte mesmo.
      Procure de outras marcas, ou diminua a quantidade.
      bjs

      Reply
  • 9 de setembro de 2015 at 19:02

    ADOREI,,,SOU VEGANA,,, E SEMPRE PROCURO O K PASSAR NO PÃO,,OBRIGADA VALEU!!

    Reply
  • 10 de novembro de 2015 at 22:50
    Marcia

    Boa noite! Amo de paixão seu site.

    Quero muito fazer a pasta de amêndoas, pode por favor me falar a quantidade?
    E só vai as amêndoas mesmo e nada mais?

    Muito obrigada.

    Reply
    • 12 de novembro de 2015 at 23:18

      Oi Marcia!
      Pode fazer com a quantidade que quiser. Quanto mais fizer, mais rende 😉
      Você pode colocar essências, melado, mel, açúcar mascavo, ou deixar só com as amêndoas!!

      Reply
  • 16 de novembro de 2015 at 5:20
    Rafael

    Flávia,
    Tirando o fato de que a manteiga clarificada é mais saudável, a manteiga com sal comum, vendida em qualquer lugar, pode ser utilizada sem problemas por intolerantes a lactose? Pergunto porque já vi em um post do site dizendo que a manteiga não tem lactose, somente traços de leite, mas nesse post você diz que a manteiga clarificada “tira” a lactose da manteiga comum, então fiquei em dúvida. Obrigado!!

    Reply
    • 16 de novembro de 2015 at 10:33

      Oi Rafael!
      A manteiga tradicional tem traços de lactose, apesar de ter muitos textos dizendo que é segura pois é basicamente só gordura, dependendo do nível da intolerância é melhor não arriscar.
      A clarificada, ou ghee, retira a lactose – se feita da maneira certinha, com cuidado.
      Cada organismo funciona de uma maneira, e as reações da intolerância dependem de vários fatores como imunidade, quantidade consumida, hábitos de vida, etc.
      O ideal é você ouvir o que seu corpo diz, e caso vá trabalhar com intolerantes, utilizar ghee de boa procedência 🙂
      bjs!

      Reply
  • 24 de novembro de 2015 at 17:24
    TATIANE

    Olá ! Adorei o sei face e seu site. Parabéns!!
    Qdo vc diz utilizar ghee de boa procedência. Vc se refere a que? kkkk fiquei na duvida.
    Sou intolerante mais sempre volto ao produtos com leite kkk .. Estou tentando mudar, vc está me ajdudando bastante.
    bjs

    Reply
    • 6 de dezembro de 2015 at 10:40

      Oi!!
      Eu normalmente faço a minha ghee, mas quando comprar procure saber de onde vem e como é feita, assim como qualquer outro produto que compra pronto 😉
      bjs

      Reply
  • 6 de fevereiro de 2016 at 10:51
    Yngrid

    Na receita do Homus de grão de bico leva tahine e eu sou alérgica a gergelim , ele é opcional? Teria outra coisa para substituir?

    Reply
  • 12 de março de 2016 at 9:53
    Karina

    Ola, Flavia! Muito obrigada pelas receitas!

    Uma dúvida, talvez meio besta rsrs (usei biomassa uma vez só): qd vc escreve, na receita do patê d manjericão, biomassa “amolecida”, devo fazer alguma coisa p amolecê-la? Rs bjs!

    Reply
    • 15 de março de 2016 at 12:15

      Oi Karina!
      Se ela estiver fresca e cremosa não, mas se tiver comprado ela pronta ou ela estiver congelada você deve misturar ela com um pouco de água e aquecer até ficar cremosa de novo.
      bjs

      Reply
  • 4 de novembro de 2016 at 22:28
    Juliana Pistori

    ola ja tentei fazer a biomassaa,não gostei muito do sabor(por mais que as pessoas dizem q não tem sabor…)
    ela fica meio “liguenta”, o que fazer p ela ficar com uma textura mais leve que lembra uma maionese???
    e porque qdo a gente compra elas são bem clarinhas e quando a gente faz em casa elas ficam com uma cor rosada????
    alguém pode me ajudar???
    da p fazer o patê com a farinha???
    usando a farinha tem as mesmas propriedade da biomassa????
    ?

    Reply
    • 6 de novembro de 2016 at 16:18

      Oi Juliana!
      A biomassa quando feita corretamente, com a banana bem verde, ela não tem sabor. A coloração varia de banana para banana e ponto de maturação, é normal.
      Para deixar ela mais ralinha, adicione mais água.
      Não dá pra fazer patê com a farinha, a textura é completamente diferente, as propriedades também são outras.
      bjs

      Reply
  • 19 de dezembro de 2016 at 15:55

    Excelentes opções e de looonge muito, mais muito mais saudáveis do que a manteiga ou a temida margarina.
    A biomassa é um coringa na cozinha !! Testei o patê e amei!!
    Obrigada!!

    Reply
  • 26 de janeiro de 2017 at 19:39
    MARCELA FATIMA SANTOS DE CARVALHO

    Ola…Gostaria de saber nessa manteiga de amendoa…Para aquele potinho qtas gramas de amendoas vc usou…

    Reply
  • Pingback: "Manteiga" sem lactose - Lactose Não por Flavia Machioni

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *