Guia do Kefir – o que é, onde achar, como usar

Oioii lindezas!!! Resolvi fazer este guia do Kefir – o que é, onde achar, como usar.

Eu já ouvi falar muito sobre o Kefir, mas ainda não tinha um para chamar de meu. Como viajo muito e ficava longos períodos fora de casa, sempre tive medo de matar o pobrezinho.

Mas, no último curso intensivo que dei em Curitiba, estava falando sobre o benefício das bebidas e comidas fermentadas, e as alunas começaram a falar do Kefir. Eu disse que não tinha, mas que estava procurando doações, e a Juliana, uma das alunas, gentilmente ofereceu e me trouxe no dia seguinte.

Talvez esse papo não esteja fazendo sentido: doação, não deixar morrer, fermentados… depois do post que fiz ontem (abaixo) muitass dúvidas surgiram, por isso vamos ver o guia do Kefir que montei!

A post shared by Flavia Machioni (@lactosenao) on

 

O que é o Kefir

O Kefir é uma colônia de microorganismos composta por lactobacilos e leveduras que produzem uma bebida probiótica a partir da fermentação de algum líquido, como água ou leite.

Originalmente o Kefir é cultivado em leite (de vaca, cabra, ovelha, etc) e os microorganismos se alimentam dos açúcares (entre eles a lactose) para fazer a fermentação. Por este motivo, alguns intolerantes à lactose consomem Kefir de leite e se sentem bem, outros não.

Eu tenho e uso Kefir de água, nunca provei o de leite.

Aonde eu encontro o Kefir 

A tradição indica a doação dos grãos de Kefir. Algumas pessoas vendem o Kefir, mas normalmente você ganha de alguém que cultive perto da sua região.

Existem diversos grupos no Facebook de doação e receitas com Kefir. Vou deixar aqui dois links. Visite, peça para que te incluam no grupo, leia as orientações e siga as instruções para receber sua doação.

Kefir – Corrente do bem

Kefir Brasil

Doe amor – Kefir 

Quais os benefícios do Kefir 

Como todo alimento ou bebida fermentado, o Kefit é um probiótico. Isso quer dizer que ele é um alimento vivo e que possui grandes quantidades de microorganismos benéficos para a manutenção e promoção da saúde. Entre outros benefícios, estão:

– Aumenta a resistência à infecções e inflamações

– Fortalece o sistema imunológico

– Tem efeito tranquilizador do sistema nervoso, o que beneficia muitas pessoas que sofrem de depressão, distúrbios do sono, entre outras.

– Restabelece e equilibra a flora intestinal ao eliminar as bactérias e leveduras prejudiciais, e aumentar a população bacteriana benéfica.

– Regula a flora intestinal, podendo ser usado tanto em casos de constipação quanto diarreia,

– Reduz os gases e melhora de uma maneira geral todo o sistema digestivo.

– Tem efeito de “limpeza” em todo o corpo

– Diminui o risco de câncer, principalmente de cólon

– Diminui o colesterol LDL

Como manter o Kefir vivo 

Por ser um alimento vivo, o Kefir precisa de cuidados diários e específicos. estes cuidados basicamente serão: alimentação e armazenamento.

Não é nada de outro mundo, na realidade é bem simples! É como se você tivesse um bichinho para cuidar 🙂

O Kefir de água vai ser alimentado através da glicose, portanto, precisamos dar a ele açúcar. Eu alimento o meu com 1 colher de chá de açúcar mascavo, de preferência orgânico ( essa quantidade tem fermentado uns 300 – 350 ml de água).

Já o Kefir de leite será alimentado pelos açúcares do próprio leite, portanto não precisa acrescentar açúcar.

Uma vez por dia você deve escorrer a água que está no Kefir, que é a que já foi fermentada e está pronta para o consumo, e colocá-la em copo ou recipiente de vidro. Depois, preencha o pote em que seu Kefir mora com mais água e acrescente o açúcar.

Deixe o Kefir em temperatura ambiente e tampado com uma gase ou voal. Assim você protege ele de insetos e poeira, mas ainda deixa ele em contato com o ar, que é importantíssimo para que haja fermentação.

Como toda fermentação, quanto maior a temperatura, mais intensa ela ocorrerá.

Caso queira inativar seu Kefir, coloque-o no freezer. Ele vai hibernar!

Portanto, para resumir, para manter seu Kefir vivo você deve alimentá-lo todo dia e armazená-lo da maneira correta.

Como usar o Kefir 

Eu tenho bebido meu Kefir puro, sem nada, mas sei que para algumas pessoas não fica agradável ao paladar.

Você pode usar o kefir para fazer sucos, vitaminas ou smoothies.

Pode também utilizar para receitas de iogurte, queijos caseiros, molhos para salada, etc.

Nos grupos do Facebook que coloquei acima, também aparecem receitas vez ou outra.

Posso transformar meu Kefir de água em Kefir de leite e vice-versa? 

Não pode! São culturas diferentes, que se alimentam de açúcares diferentes. Se você tem Kefir de água, mantenha ele sempre com água. Se tiver de leite, sempre com leite.

Caso queira ter os dois, procure doadores e mantenha-os em culturas separadas.

Bom, amigos, acho que essas foram as principais dúvidas que recebi.

Caso tenham outras, deixem aqui nos comentários que vou respondendo. Também quero saber se vocês utilizam e como 🙂

Para fazer este post utilizei as seguintes referências:

Wikipedia

O que é o Kefir

Espero que tenham gostado!

Beijinhos.

 

Sobre o Autor

Flavia Machioni

Flavia Machioni

Oiii, eu sou a Flavia, autora do Lactose Não. Aqui, divido minhas invenções na cozinha, dicas de viagem, mostro meu estilo de vida e passo um pouquinho do que tenho aprendido desde que descobri ter alergias alimentares ao glúten e leite :)

Posts Relacionados

Mais Posts desta categoria

7 comentários em “Guia do Kefir – o que é, onde achar, como usar

  • 24 de março de 2017 at 12:48
    Jéssica oliveira

    Olá, Eu sei que todo mundo fala que não pode adaptar o kefir de água para o leite mais eu fiz isso e utilizo o iogurte natural do kefir em receitas faço queijo e não passo mal mesmo sendo intolerante à lactose , eu mesmo não intendo o porque já que eles não se alimentam da lactose ???

    Reply
  • 25 de março de 2017 at 0:13
    Dayana Duncheva

    Flavia eu adoro sua página, sempre faço suas receitas! Eu tenho um pouco de pavor do Kefir de água puro, li em um site americano opções dele e agora coloco um sachê de chá quando troco a água, qualquer chá herbal de sua preferência, tenho usado muito e adorando, fiquei viciada na minha água de Kefir! ❤

    Reply
  • 25 de março de 2017 at 9:35
    Ana Paty

    Pesquisei muito por agora também ser celíaca e alérgica à leite e faço uso do de água. O tempo de fermentação de 24 horas nas primeiras semanas solta o intestino. O ideal é 36 horas, o máximo 72 horas. Deixar na geladeira enquanto toma. Segundo médico patologista no YouTube, pode -se tomar até um litro e meio por dia… sempre de preferência ao acordar, em jejum e antes de dormir… Mais informações dou, preferência aos médicos… É sim, depois de muito tempo de diarréias e colite, kefir de água tem me ajudado muitoooo!!!! Inclusive nas crises. Bjos Flávia.

    Reply
  • 25 de março de 2017 at 11:22
    Constance Mannshardt

    Oi Flávia, amei as explicações. 🙂 Vc sabe se o kefir vive bem em leite vegetal?

    Reply
    • 29 de março de 2017 at 18:02

      Oii Constance!
      Sei de pessoas que cultivam ele em leite vegetal, mas nunca testei, estou com o meu há algumas semanas apenas.
      Se testar, conto por aqui!
      bjs.

      Reply
      • 8 de abril de 2017 at 17:31
        Iulia

        Oi Flavia, muito obrigada pela explicação! Também fiquei muito curiosa pra testar com leites vegetais, como o de amêndoas ou de coco. Achei este vídeo, mas ainda não cheguei a experimentar: https://www.youtube.com/watch?v=5oQVRhFQAXI Abraços

        Reply
  • 1 de abril de 2017 at 2:12
    Elisane

    Flávia quanto tempo ele pode ficar congelado?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *